INSTITUIÇÃO DE ENSINO E A INSTITUÍDA PELA COMISSÃO ORGANIZADORA DA XI OLIMPÍADA AMBIENTAL

 

Art. 1 – Para efeito de julgamento dos trabalhos apresentados em todas as modalidades e categorias, a Comissão Julgadora da instituição de ensino analisará a capacidade de expressão e clareza das ideias e dos argumentos, valorizando os trabalhos redigidos na forma padrão da língua portuguesa, a capacidade do(s) autor(es) em compreender e expressar um conjunto de questões ou problemas referentes ao tema, priorizando os trabalhos que melhor expressem o tema proposto.

 

Art. 2 – As Comissões Julgadoras formadas em cada instituição de ensino de acordo com o tema “Soluções naturais para água: caminhos para construção de sociedades sustentáveis” irão escolher os melhores trabalhos em cada categoria de cada modalidade dentro das subdivisões para representar a instituição na Olimpíada.

 

Na modalidade I Arte: Pintura/ Escultura/ Cartaz / Maquete e Música.

Na modalidade II Produção de Texto: Redação/ Poema/ Quadrinhos/ Literatura de Cordel.

 

Art. 3 – Os trabalhos classificados na fase inicial (Instituições de Ensino) serão submetidos a nova avaliação pela Comissão Julgadora indicada pela Comissão Organizadora da XI Olimpíada Ambiental, formada por representantes das diversas áreas do conhecimento.

 

Art. 4 – Os trabalhos apresentados em todas as categorias e modalidades para a Comissão Julgadora serão analisados com base na capacidade de expressão e clareza das ideias e dos argumentos, buscando valorizar os trabalhos redigidos que devem respeitar a forma padrão da língua portuguesa, a capacidade do(s) autor(es) em compreender e expressar um conjunto de questões ou problemáticas referentes ao tema, priorizando os trabalhos que melhor expressem o tema proposto.

 

Art. 6 – Fica assegurado às Comissões Julgadoras de cada instituição o direito de estabelecer um conjunto de procedimentos que garantam o bom desenvolvimento de seus trabalhos, resguardando o regulamento da XI Olimpíada Ambiental.